quinta-feira, 14 de maio de 2015

Ibama realiza ciclo de audiências públicas sobre a UHE Canto do Rio

1(Imagem:José Bonifácio/GP1)Segundo a organização do evento, 214 pessoas compareceram à Audiência Pública no CISEC, promovida pelo IBAMA

O IBAMA deu início na noite da última terça-feira (12/05), o ciclo de Audiências Públicas para discutir sobre o EIA-RIMA (Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental) do Projeto de Implantação da UHE Canto do Rio, no rio Parnaíba, abrangendo porções de terra nos municípios de Santa Filomena (PI), Alto Parnaíba (MA) e Tasso Fragoso (MA).

O evento, que teve início às 18h00 e se prolongou até as 22h20min, foi presido pelo superintendente substituto do IBAMA/PI, senhor Manoel Borges de Castro, e teve a presença do seu colega superintendente substituto do IBAMA no MA, Ricardo José Sá Fortes de Arruda.


2(Imagem:José Bonifácio/GP1)Técnicos do IBAMA, das empresas Soma e Seta e da MinasPCH explicaram o projeto e responderam várias perguntas

Além de técnicos do IBAMA, do Piauí e do Maranhão, o público presente pode assistir, depois de algumas apresentações, às explanações de representantes da Seta, da Soma (Consultoria Ambiental) e da própria MinasPCH (Empreendedor), que irá investir R$ 340 milhões na obra.

Dentre as 214 pessoas que participaram da Audiência Pública, estavam autoridades de Santa Filomena, como: o vice-prefeito Adauton Barbosa de Queiroz (PSB); os secretários municipais Gilberto Lustosa de Matos (Meio Ambiente), José Nazário de Abreu (Infraestrutura) e Pedro Eimard Maia de Sousa (Educação); e os vereadores Alberto Augusto do Amaral Rocha (PTB), Antonio Santos de Sousa Silva (PV), Cristóvão Dias Soares (PSB), José Bonifácio Bezerra (PCdoB), José Damasceno Nogueira Filho (PSD) e Renato Vieira Miranda (PTB).

3(Imagem:José Bonifácio/GP1)A Audiência Pública, de caráter consultivo e informativo, foi transmitida pela Rádio Rio Taquara FM, de Santa Filomena

A audiência, de caráter consultivo e informativo, transmitida integralmente pela Rádio Comunitária Rio Taquara FM, realizou-se no CISEC (Centro de Integração Social e Cultural), espaço pertencente à Paróquia de Santa Filomena, e contou ainda com a participação de agricultores, líderes comunitários, estudantes, servidores públicos municipais e estaduais, comerciantes e diversos populares, que se mostraram bastante interessados no assunto.
 
Após a apresentação do projeto da hidrelétrica e dos estudos ambientais, mais de 10 pessoas se inscreveram para encaminhar perguntas, as quais foram respondidas pelos técnicos do IBAMA e por representantes da MinasPCH, Seta Consultoria e Soma Consultoria Ambiental.

Pelo que observamos, são pouquíssimas pessoas do município de Santa Filomena contrárias à construção da Barragem no Rio Parnaíba. E mesmo aqueles que se manifestaram estar contra o empreendimento se disseram satisfeitos com as respostas dos técnicos.

4(Imagem:José Bonifácio/GP1)Pelo que observamos na Audiência Pública, são poucas as pessoas de Santa Filomena que estão contra a Barragem

A Usina Hidrelétrica Canto do Rio, que tem como empreendedora a Minas PCH S.A., empresa de capital nacional, com atuação nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Goiás, focada na geração de energia elétrica a partir de fontes limpas e renováveis, está prevista para ser implantada no Rio Parnaíba, abrangendo porções de terra localizadas nos municípios de Santa Filomena (PI), Alto Parnaíba (MA) e Tasso Fragoso (MA).

O reservatório a ser formado possui uma área de 79,68 km2, barramento (parede) de 1.100 metros de extensão por 35 metros de altura, com potência total de 44 MW, o que permitirá abastecer cerca de 440 mil pessoas com energia elétrica, equivalente a quase 2 vezes a população de Imperatriz (MA) ou metade do número de habitantes de Teresina (PI).

O ciclo prosseguiu ontem (13/05), às 18h, no CREAP, em Alto Parnaíba (MA), e termina hoje, quinta-feira (14/05), às 18h, no Ginásio de Esportes da cidade de Tasso Fragoso (MA).


Um comentário:

  1. EMERSON ANTONIO FERNANDES14 de maio de 2015 19:08

    José bonifácio, voce poderia colocar no seu blog, os locais que serão alagados pela barragem, e o ponto em que vai ser construida a barragem propriamente dita.....obrigado!!

    ResponderExcluir